Estudo dá nova esperança para a cura da calvície

Estudo dá nova esperança para a cura da calvície

Pesquisadores japoneses usaram folículos criados a partir de células-tronco adultas para crescer cabelos em camundongos sem pelos, em um avanço que promete finalmente trazer a cura para a calvície. Segundo eles, os folículos transplantados nos animais formaram conexões com os tecidos em volta, como fibras musculares e nervosas, e mantiveram um ciclo normal de crescimento, queda e substituição por um fio novo. A pesquisa também abre caminho para métodos de regeneração de dentes e órgãos como as glândulas salivares, que têm um processo de formação similar ao dos cabelos. “Assim, nossa pesquisa atual demonstra não só o potencial para uma terapia de regeneração dos cabelos como também para a bioengenharia de órgãos usando células-tronco somáticas adultas”, escreveram os pesquisadores liderados por Takashi Tsuji, da Universidade de Ciências de Tóquio, em artigo sobre o estudo publicado na revista “Nature Communications”.. De acordo com os cientistas, a combinação do novo método com tecnologias já existentes pode melhorar os atuais tratamentos para a calvície ao permitir que os pacientes usem suas próprias células em implantes. - Gostaríamos de começar os testes clínicos dentro de três a cinco anos, de forma que tratamentos reais para pacientes em geral possam começar em uma década – afirmou Koh-ei Toyoshima, um dos pesquisadores. Os folículos capilares se desenvolvem quando dois tipos diferentes de células – epiteliais e mesenquimais – interagem. As células epiteliais crescem muito rápido e se dividem, enquanto as mesenquimais as direcionam para produzir os folículos. Anteriormente, Tsuji e sua equipe já haviam conseguido criar folículos funcionais a partir de células-tronco embrionárias dos camundongos. Depois, eles fizeram culturas de células-tronco epiteliais adultas com células mesenquimais dos animais para produzir novos folículos. Por fim, os cientistas se voltaram para células humanas. Aplicando um método similar, eles coletaram células-tronco epiteliais adultas e mesenquimais de homens calvos, criando folículos que produziram cabelos humanos quando transplantados nos camundongos.



seja sócio do clube dos carecas

Adquira o kit clube dos carecas.

Garanta já seu kit